sexta-feira, abril 29, 2005

 

Portugal no seu melhor...


Image hosted by Photobucket.com

Vivemos num pais maravilhoso, pois está provado que somos uma nação riquíssima e não paupérrima como os estudos realizados indicam, pois as dívidas do Totonegócio foram adiadas até 2010 pelos Assuntos Fiscais do anterior Governo.
Mais ainda porque esta noticia "Portugal deve 38 milhões de euros a organizações científicas internacionais"são vozes na nossa cabeça, não é a realidade.

Toda a gente em Portugal sabe nadar (yo), portanto"Não existe lei que regulamente a contratação de nadadores-salvadores",pois devem estar todos a aprender a nadar como eu.
"Quase 2 mil milhões de euros de prejuízo segundo estimativa da Federação dos Agricultores do Baixo Alentejo para a seca",
e "um terço do solo europeu em risco de desertificar" isto da seca é uma brincadeirinha de São Pedro, logo, logo ele vai repôr o stock de água, e vai ficar tudo bem, portanto vamos todos relaxar para a banheira.
"Caixadirecta online "pirateada". Ataque informático tem como objectivo o acesso às contas dos clientes"
Ninguém precisa de carcanhol , portanto pirateiem à vontade

"Socialistas diminuem estado de graça e PSD recupera, CDS continua a resvalar. O BE a crescer. E o PCP a sedimentar votos"
, sim porque nisto da politica a medição é feita por estados de graça e não por aquilo que realmente fazem, claro está que se fazem bem feito nós gostamos mais deles, mas será esta a visão correcta das coisas, porque na minha visão se uns caem do seu estado de graça para o estado de desgraça, os outros não têm necessariamente de subir por esta razão, que fiquem todos no estado da desgraça e voltem a subir por mérito próprio.
"Uma nova investigação desmistificou a relação entre os casos de leucemia na infância e a proximidade com linhas de alta tensão."
, portanto fiquemos todos mansos e nada de reclamar nem com a EDP nem com a EDA, vamos embelezar o quintal com cabos e postes de alta tensão, pois com esta seca toda podem muito bem virar as novas árvores do futuro, basta ter um pouco de imaginação e fazer um embelezamento das próprias.
E vou terminar por aqui, para não correr o risco de dizerem que estão a ler o jornal nacional da TVI online.
E sim estou com a neura.

quarta-feira, abril 27, 2005

 

Where is paradise?

Image hosted by Photobucket.com
Ilhéu de Vila Franca. Vila Franca do campo, São Miguel.

Image hosted by Photobucket.com
Ilhéu de Vila Franca, vista aérea. Vila Franca do campo, São Miguel.


 

Pontos de vista

Como se calcula o volume de uma vaca?
Engenheiro: "Coloca-se a vaca dentro de um grande tanque de água; a diferença de volume é o da vaca."
Matemático: "Tiram-se os parâmetros da superfície da vaca e calcula-se o volume da acordo com a regra de três simples."
Físico: "Suponhamos que a vaca é esférica..."

segunda-feira, abril 25, 2005

 

Antes morrer livres que em paz sujeitos

Image hosted by Photobucket.com
Foto


 

Choque Tecnológico


* Prof. Mariano Gago? É o Zé Sócrates. Oh, pá, ajuda-me aqui. Comprei um computador, mas não consigo entrar na Internet! Estará fechada?
* Desculpa?....
* Aquilo fecha a que horas?
* Zé, meteste a password?
* Sim! Quer dizer, copiei a do Freitas.
* E não entra?
* Não, pá!
* Hmmm....deixa-me ver... qual é a password dele?
* Cinco estrelinhas...
* Oh, Zé!...Pooooooo....Bom, deixa lá agora isso, depois eu explico-te. E o resto, funciona?
* Também não consigo imprimir, pá! O computador diz: "Cannot find printer"! Não percebo, pá, já levantei a impressora, pu-la mesmo em frente ao monitor e o gajo sempre com a porra da mensagem, que não consegue encontrá-la, pá!
* Pooooooo....Vamos tentar isto: desliga e torna a ligar e dá novamente ordem de impressão. Sócrates desliga o telefone. Passados alguns minutos torna a ligar.
* Mariano, já posso dar a ordem de impressão?
* Olha lá, porque é que desligaste o telefone?
* Eh, pá! Foste tu que disseste, estás doido ou quê?
* Poooooo...Dá lá a ordem de impressão, a ver se desta vez resulta.
* Dou a ordem por escrito? É um despacho normal?
* Oh, Zé...poooooooo....Eh, pá! esquece....Vamos fazer assim: clica no "Start" e depois...
* Mais devagar, mais devagar, pá! Não sou o Bill Gates...
* Se calhar o melhor ainda é eu passar por aí...Olha lá, e já tentaste enviar um mail?
* Eu bem queria, pá!, mas tens de me ensinar a fazer aquele circulozinho em volta do "a".
* O circulozinho...pois.... Bom...vamos voltar a tentar aquilo da impressora. Faz assim: começas por fechar todas as janelas.
* Ok, espera aí...
* Zé?...estás aí?
* Pronto, já fechei as janelas. Queres que corra os cortinados também?
* Poooo....Senta-te, OK? Estás a ver aquela cruzinha em cima, no lado direito?
* Não tenho cá cruzes no Gabinete, pá!...
* Pooooooo....poooooooo....Zé, olha para a porra do monitor e vê se me consegues ao menos dizer isto: o que é que diz na parte de baixo do écran?
* Samsung.
* Eh, pá! Vai para o....
* Mariano?... Mariano?...'Tá lá?...Desligou....

quinta-feira, abril 21, 2005

 

Pena que só a mim o conservadorismo fique bem

“A Maria Graça deve ser a única pessoa do mundo a quem o conservadorismo fica bem”. Zé, quarta-feira, 20 de Abril, Caixa de Comentários do MiauuGirls.

Desde que comecei a participar no CdG que passou a ser recorrente a ideia de que sou conservadora. Eu considero-me uma pessoa flexível e aberta a visões da realidade diferentes da minha, aliás a minha não é mais do que a sínteses de todas as outras que foram fazendo sentido. Tenho a sensação de que muitas vezes a forma como analiso a realidade provoca um certo desconforto, provavelmente por se tratar duma perspectiva que não é propriamente um bálsamo para a consciência. O que não deixa de ser um excelente sinal, pois é um indicador de que ainda existe inquietação. Penso que todos nós passamos por fazes da vida em que o “porreirismo” impera, e em que os valores morais são simplesmente banidos da nossa vivência, colocando em causa quase tudo, e permitindo-nos praticamente tudo. Felizmente, é impraticável viver no caos absoluto, fazendo da anestesia um modo de vida e portanto mais cedo ou mais tarde torna-se imperioso enfrentar a arrumação da “cabine de pilotagem”. Nessa fase, houve muitos valores que recebi de herança que descartei sem hesitar, outros adaptei à minha experiência de vida e outros, bem mais do que poderia prever, “conservei”, muitos dos quais pensava serem “apenas” valores morais, que percebi serem valores humanos, sem os quais não me consigo sentir GENTE.


terça-feira, abril 19, 2005

 

Porque hoje é Terça-feira e não há CdG

Por constrangimentos vários, resultantes da greve dos funcionários da RTP - e por isso alheios à equipa de moderador, comentadores e cronistas -, não terão lugar as emissões do Choque de Gerações previstas para 19 e 26 de Abril. O programa volta a 3 de Maio, prosseguindo depois, ao ritmo normal de um por semana (terças-feiras à noite, repetição às quartas-feiras ao final da tarde), até ao final da temporada.


segunda-feira, abril 18, 2005

 

No comments

Está explicado o motivo pelo qual as mulheres não gostam que os homens assistam a jogos de futebol...

Image hosted by Photobucket.com


sexta-feira, abril 15, 2005

 

Remember Leonardo da Vinci (1452-1519)

Leonardo da Vinci desapareceu há 486 anos, um homem que tinha tanto de genial como de enigmático.

Image hosted by Photobucket.com
Foto


 

A fine darn day

Image hosted by Photobucket.com
Pois é, hoje está um dia lindissímo, um sol maravilhoso e caloroso de que já tinha saudades, pois quando fui de férias de Páscoa para o continente (sei de alguém que não acha piada nenhuma a este termo) saí da Terceira com chuva, cheguei ao continente no dia em que São Pedro se lembrou de abrir a torneira e quando cá cheguei lá levei outra vez com a chuva, mas hoje finalmente faz sol. Embora me pareça que vá ser sol de pouca dura, pois há um dito popular que reza que quando se avista da Terceira o Pico, dali a três dias chove. Portanto tenho três dias para aproveitar le soleil, era bom que desta vez houvesse excepção a esta "regra popular".
Outra coisa que me apraz neste dia é que finalmente estou a ter lições de natação, pois, apesar de sempre ter vivido junto ao mar tinha-lhe uma certa fobia, não conseguia estar em sitios onde não tinha pé, tinha medo de cair. Mas hoje consegui dar umas braçadas sem a prancha de apoio, foi uma sensação espectacular de liberdade e de conseguir quebrar o medo (pois para mim corajoso é aquele que tinha medo mas que mesmo assim se aventurou).
E aqui fica um registo de um dia que nunca esquecerei.

quinta-feira, abril 14, 2005

 

Food Force

Image hosted by Photobucket.com

O Programa Alimentar Mundial (PAM) lançou hoje o primeiro jogo de computador "humanitário" que ajuda as crianças a perceber a realidade da fome no mundo e do ambiente vivido numa zona de guerra e seca.
O jogo, intitulado "Food Force" (Força Alimentar), foi hoje lançado pelo PAM, uma agência das Nações Unidas, na Feira do Livro Infantil de Bolonha, em Itália, e é destinado a crianças entre os oito e os 13 anos, que se deparam com um cenário de destruição pela guerra e pela seca e com milhares de pessoas em desespero devido à fome.
O jogo é grátis e está disponível no site www.food-force.com, por enquanto apenas em inglês, estando prevista a tradução para outras línguas em breve.
"Comunicar com as crianças hoje em dia significa usar as últimas tecnologias", afirmou Neil Gallagher, director de Comunicações do PAM.
"As crianças do mundo desenvolvido não sabem o que é ir para a cama com fome. De uma forma dinâmica, o Food Force vai captar a atenção das crianças e levá-las a perceber a realidade da fome, que atinge mais pessoas do que a SIDA, a malária e a tuberculose juntas", sublinhou o responsável. O PAM é a maior agência humanitária do mundo e opera em 80 países, alimentando cerca de 90 milhões de pessoas por ano.
In: Sic Online


 

Aos que não se sentem dispensados de buscar a verdade

...

Teus olhos habituados à observação dos satélites e das estrelas,
desceram lá das suas alturas
e poisaram, como aves aturdidas - parece-me que estou a vê-las -,
nas faces grávidas daquelas reverendíssimas criaturas.
E tu foste dizendo a tudo que sim, que sim senhor,
que era tudo tal qual conforme suas eminências desejavam,
e dirias que o Sol era quadrado e a Lua pentagonal
e que os astros bailavam e entoavam
à meia-noite louvores à harmonia universal.
E juraste que nunca mais repetirias
nem a ti mesmo, na própria intimidade do teu
pensamento, livre e calma,
aquelas abomináveis heresias
que ensinavas e escrevias
para eterna perdição da tua alma
Ai, Galileu!
Mal sabiam os teus doutos juizes, grandes senhores
deste pequeno mundo,
que assim mesmo, empertigados nos seus cadeirões de braços,
andava a correr e a rolar pelos espaços
à razão de trinta quilómetros por segundo.
Tu é que sabias, Galileu Galilei.
Por isso eram teus olhos misericordiosos,
por isso era teu coração cheio de piedade,
piedade pelos homens que não precisam de sofrer,
homens ditosos
a quem Deus dispensou de buscar a verdade.
Por isso, estoicamente, mansamente,
resististe a todas as torturas,
a todas as angústias, a todos os contratempos,
enquanto eles, do alto inacessível das suas alturas,
foram caindo,
caindo,
caindo,
caindo,
caindo sempre,
e sempre,
ininterruptamente,
na razão directa dos quadrados dos tempos.

António Gedeão – O cientista poeta


quarta-feira, abril 13, 2005

 

Porque ontem foi Terça-feira com caneca

Image hosted by Photobucket.com
A mais citada de todas as lendas sobre a descoberta do vinho é uma versão persa que fala sobre Jamshid, um rei persa mitológico que parece estar relacionado a Noé, pois teria construído um grande muro para salvar os animais do dilúvio. Na corte de Jamshid, as uvas eram mantidas em jarras para serem comidas fora da estação. Certa vez, uma das jarras estava cheia de sumo e as uvas espumavam e exalavam um cheiro estranho, sendo deixadas de lado por serem consideradas um possível veneno. Uma donzela do harém tentou matar-se ingerindo este veneno. Ao invés da morte ela encontrou alegria e um repousante sono. Ao narrar o ocorrido ao rei, este ordenou, então, que uma grande quantidade de vinho fosse produzida, tendoa sua corte exprimentado a nova bebida. Na Grécia, os "Simpósios", cujo significado literal é "bebendo juntos", eram reuniões onde se bebia vinho em salas especiais, reclinados confortavelmente em divãs, e cujas conversas se desenrolavam num ambiente de alegre convívio. Todos os Simpósios tinham um presidente cuja função era estimular a conversação. Embora muitos fossem sérios e constituídos por homens nobres e sábios, havia outros que decorrim em clima de festa, com jovens dançarinas ao som de flautas.
(Hugh Johnson "The Story of Wine" da editora Mitchell-Beazley, Londres, 1989)
Figura copiada do site NOMISMATIKE: www.nomismatike.hpg.com.br/

Apesar de dispensar os divãs, a substituição do copo de vinho pela caneca de água é quase uma heresia. Prost!


terça-feira, abril 12, 2005

 

Porque hoje é Terça-feira

Image hosted by Photobucket.com

Não, não é o filme da Demi Moore, é a versão "after-hours" do CdG. Não percam o pudor do Armando Mendes sem saber o que chamar ao "quartinho privado", tendo optado pelos estrangeirismos: "private" e "privait". Nuno Costa Santos, confessou que o que mais gosta nas suas idas ao cabeleireiro, é mesmo das revistas de fofoca. Finalmente a miauu da Silveira, como de costume deu uma de conservadora, reacionária de direita, considerando que a legalização da prostituição não é uma solução. Já sabem às 21:30 na RTP-A, Joel Neto vai tentar fazer, desta vez, a moderação da sua vida. Reportagem (Nuno Costa Neves), ódios e amores (os manos Borges) do costume.


segunda-feira, abril 11, 2005

 

Anyway...

Good judgement comes from experience. Experience comes from bad judgement.
(Jim Horning)


 

A peça que faltava no puzzle

Este texto é um apanhado de trechos de um livro da Laurinda Alves, que já li há algum tempo e que não me lembro o titulo (foi-me emprestado). Provavelmente não tem exactamente o sentido original, pois peguei em bocados, baralhei e deu isto.

Numa longa conversa que tive com um grande amigo falávamos sobre esta questão de saber ler os sinais que nos chegam das mais variadas formas e divagámos sobre a nossa incapacidade de, às vezes, os interpretar e perceber se estamos a fazer a opção certa ou errada. Felizmente nem sempre os sinais são equívocos e, a maior parte do tempo, basta-nos ouvir a consciência e dosear algum bom-senso para ter a certeza de que estamos a agir correctamente. Acontece que nas alturas mais difíceis ou angustiantes, é frequente sentirmos algum desnorte e uma necessidade mais profunda de avaliar exactamente o alcance das nossas opções ou avaliar as nossas escolhas. Confrontados com o desfasamento entre o que escolhemos, aqui e agora, e os efeitos posteriores das nossas escolhas, este meu amigo disse uma frase eloquente e tão preciosa que a guardo até hoje: «Gosto de pensar que tudo se passa como num puzzle em que a peça certa encaixa sem dobrar nem forçar». A imagem da peça do puzzle a encaixar sem fazer fricção, sem rasgar, sem ferir e sem magoar os cantos é uma imagem feliz e perfeita para nos ajudar a avaliar a forma como as coisas encaixam na nossa vida. Claro que não está na nossa mão encaixar todas as peças, mas é bom reter esta imagem para os momentos em que está nas nossas mãos decidir. Sentir que a escolha que fazemos nos deixa mais confortáveis, mais alinhados com a nossa verdadeira natureza e mais em paz, é como sentir a peça do puzzle a encaixar. Mesmo que não se trate de uma escolha fácil, o sinal mais evidente será sempre a forma como a escolha nos assenta e as peças encaixam umas nas outras.


sexta-feira, abril 08, 2005

 

Where is paradise?

Image hosted by Photobucket.com

Fajã da Caldeira de Santo Cristo, vista aérea. Ilha de São Jorge.

Image hosted by Photobucket.com
Fajã da Caldeira de Santo Cristo, lagoa. Ilha de São Jorge.

Image hosted by Photobucket.com
Fajã da Caldeira de Santo Cristo, cascata de cima. Ilha de São Jorge.


quinta-feira, abril 07, 2005

 

Uns raios de poesia...

Image hosted by Photobucket.com

Alasca, cidade de Kenai, 16 de Novembro de 2001.
Imagem retirada de http://www.terra.com.br/

Aurora Boreal


Tenho quarenta janelas
nas paredes do meu quarto.
Sem vidros nem bandinelas
posso ver através delas
o mundo em que me reparto.
Por uma entra a luz do Sol,
por outra a luz do luar,
por outra a luz das estrelas
que andam no céu a rolar.
Por esta entra a Via Láctea
como um vapor de algodão,
por aquela a luz dos homens,
pela outra a escuridão.
Pela maior entra o espanto,
pela menor a certeza,
pela da frente a beleza
que inunda de canto a canto.
Pela quadrada entra a esperança
de quatro lados iguais,
quatro arestas, quatro vértices,
quatro pontos cardeais.
Pela redonda entra o sonho,
que as vigias são redondas,
e o sonho afaga e embala
à semelhança das ondas.
Por além entra a tristeza,
por aquela entra a saudade,
e o desejo, e a humildade,
e o silêncio, e a surpresa,
e o amor dos homens, e o tédio,
e o medo, e a melancolia,
e essa fome sem remédio
a que se chama poesia,
e a inocência, e a bondade,
e a dor própria, e a dor alheia,
e a paixão que se incendeia,
e a viuvez, e a piedade,
e o grande pássaro branco,
e o grande pássaro negro
que olham obliquamente,
arrepiados de medo,
todos os risos e choros,
todas as fomes e sedes,
tudo alonga a sua sombra
nas minhas quatro paredes.


Oh janelas do meu quarto,
quem vos pudesse rasgar!
Com tanta janela aberta
falta-me a luz e o ar.

António Gedeão


 

Remember Porto at sunset

Image hosted by Photobucket.com

quarta-feira, abril 06, 2005

 

Bem-vindo à Linha Telefónica de Psicologia!

Image hosted by Photobucket.com
Se é obsessivo-compulsivo, por favor carregue no 1 repetidamente.
Se é dependente, por favor peça a alguém para carregar no 2.
Se tem múltiplas personalidades, por favor carregue no 3, 4, 5, e 6.
Se é paranóico-delirante, sabemos quem você é o que quer. Por favor mantenha-se em linha para que possamos identificar a chamada.
Se é esquizofrénico, oiça com atenção e uma pequena voz dir-lhe-á em que número carregar.
Se está deprimido, não interessa em qual número carregar. Ninguém responderá.
Se está delirante e ocasionalmente tem alucinações, por favor esteja consciente de que a coisa em que está a segurar junto à sua cabeça está viva e prestes a morder-lhe a orelha.

terça-feira, abril 05, 2005

 

Magical Name Acronym Generator!


Fui parar
aqui através daqui e descobri que sou
Cool,Amorous,New,Delightful,Irresistible,Distinguished,Astonishing

Isto é um belo alimento para o ego, sim senhora, gostei.

 

Sou Burro


Retirei o excerto em baixo do
blog "Sou Burro" que frequentemente visito e que é absolutamente hilário. Recomendo vivamente, pois rir só faz bem.

UM EXEMPLO A SEGUIR POR TODAS AS AUTARQUIAS
Segundo um estudo da agência Habitat da ONU, dois em cada 10 portugueses vivem no limiar da pobreza.
Segundo a UNICEF uma em cada 6 Crianças Portuguesas vivem abaixo do limiar da pobreza.
Segundo o INE três em cada 10 Jovens Portugueses vivem perto do limiar da pobreza.
Venho desta forma dar os parabéns ao Presidente da Câmara do Limiar da Pobreza pelo excelente trabalho que tem vindo a desenvolver, conseguindo descentralizar as pessoas dos grandes centros urbanos.

 

No comments


Uma óptima maneira de dar utilidade a coisas que já a perderam

Image hosted by Photobucket.com


segunda-feira, abril 04, 2005

 

Pixies no Festival Paredes de Coura

Image hosted by Photobucket.com
A primeira confirmação para a edição este ano do Festival Paredes de Coura são dos Pixies que irão actuar dia 17 de Agosto de 2005. O festival irá decorrer de 17 a 20 de Agosto, e espero que com mais bons grupos.

 

Chove...

Image hosted by Photobucket.com
Chove. Há silêncio, porque a mesma chuva
Não faz ruído senão com sossego.
Chove. O céu dorme. Quando a alma é viúva
Do que não sabe, o sentimento é cego.
Chove. Meu ser (quem sou) renego...
Tão calma é a chuva que se solta no ar
(Nem parece de nuvens) que parece
Que não é chuva, mas um sussurrar
Que de si mesmo, ao sussurrar, se esquece.
Chove. Nada apetece...
Não paira vento, não há céu que eu sinta.
Chove longínqua e indistintamente,
Como uma coisa certa que nos minta,
Como um grande desejo que nos mente.
Chove. Nada em mim sente...
Fernando Pessoa

 

HAZARDOUS MATERIALS- SAFETY DATA SHEET

ELEMENT: Women
SYMBOL: Wo
ATOMIC MASS: Accepted at 53.6kg, but known to vary from 40-200kg
DISCOVERER: Adam
OCCURRENCES: Copious quantities in all urban areas
PHYSICAL PROPERTIES:
1. Surface usually covered in painted film.
2. Boils at nothing; freezes without known reason.
3. Melts if given special treatment.
4. Bitter if incorrectly used.
5. Found in various states from virgin metal to common ore.
6. Yields if pressure applied in correct places.
CHEMICAL PROPERTIES:
1. Has great affinity for gold, silver, and a range of precious stones.
2. Absorbs great quantities of expensive substances.
3. May explode spontaneously without prior warning and for no known reason.
4. Insoluble in liquids, but activity increases greatly by saturation in alcohol.
5. Most powerful money reducing agent known to man.
COMMON USES:
1. Highly ornamental, especially in sports cars.
2. Can be a great aid to relaxation.
3. Very effective cleaning agent.
TESTS:
1. Pure specimen turns rosy pink when discovered in the natural state.
2. Turns green when placed beside a better specimen.
HAZARDS:
1. Highly dangerous except in experienced hands.
2. Illegal to possess more than one, although several can be maintained at different locations as long as specimens do not come into direct contact with each other.


 

El Pais destaca neo-modernidade da moda portuguesa

Image hosted by Photobucket.com
Num artigo de uma coluna, intitulado "a moda de Portugal potencia o seu desenho em direcção à neo-modernidade", o El Pais, jornal com mais de dois milhões de leitores, começa por referir que a moda tem ajudado a aproximar os dois países ibéricos, ao mesmo tempo que os lança no mercado europeu.
"A 16ª edição da Passerelle do Porto (...) apostou claramente em potenciar o seu forte, a moda masculina menos convencional e por destacar", refere-se no artigo, que sublinha como "Espanha se converte em passagem obrigatória, além de concorrente, para a implantação de ambos países no mercado europeu".
O diário espanhol destaca o desenvolvimento da neo-modernidade nas marcas portuguesas que "antes não exibiam um nome próprio mas que agora (...) apostam no desenho de novo cunho e em criadores emergentes ainda que não consagrados".
O jornal destaca entre os "desfiles de grande impacto" os de Tenente, Miguel Vieira, Júlio Torcazo, Pedro Pedro e Maria Pia.
In:
Sic Online

sexta-feira, abril 01, 2005

 

Porque hoje é dia das mentiras


Image hosted by Photobucket.com
Pois é, hoje é daqueles dias em que era bom pensar que certas coisas não passam de mentiras propositadas para nos lixar a vida por uns minutos até nos apercebermos que caimos na peta, mas infelizmente isso raramente acontece.
Isto para lembrar o dia e para mandar um beijo muito especial ao meu pai que hoje faz anos e a todos boas petas...

 

Leis de Murphy

Caso alguma destas leis se venha a realizar pode sempre comer a caixa de chocolates do post anterior.

1. Se alguma coisa pode dar errado, dará. E mais, dará errado da pior maneira, no pior momento e de modo que cause o maior dano possível.
2. Um atalho é sempre a distância mais longa entre dois pontos.
3. Nada é tão fácil quanto parece, nem tão difícil quanto a explicação do manual.
4. Tudo leva mais tempo do que todo o tempo que você tem disponível.
5. Se há possibilidade de várias coisas darem errado, todas darão - ou a que causar mais prejuízo.
6. Se você perceber que uma coisa pode dar errada de 4 maneiras e conseguir contorná-las, uma quinta surgirá do nada.
7. Seja qual for o resultado, haverá sempre alguém para: a) interpretá-lo mal. b) falsificá-lo. c) dizer que já o tinha previsto no seu último relatório.
8. Quando um trabalho é mal feito, qualquer tentativa de melhorá-lo piora.
9. Os acontecimentos infelizes ocorrem sempre em série.
10. Toda vez que se menciona alguma coisa: se é bom, acaba; se é mau, acontece.
11. A fila do lado sempre anda mais rápido.
12. Nada é tão mau que não possa piorar.
13. Se você se está a sentir bem, não se preocupe. Isso passa.
14. A inteligência tem limites. A burrice não.
15. Quando lhe ligam: a) se você tem caneta, não tem papel. b) se tem papel não tem caneta. c) se tem ambos ninguém liga.


This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com